Emagrecimento e intervalo entre refeições

Comer a cada 3 horas é realmente necessário?

Divulga-se muito em dietas prontas de revista, blogs e alguns sites por aí, que é necessário fazer várias refeições pequenas e comer a cada 3 horas no máximo, para acelerar o tão sonhado e desejado emagrecimento.

Então você, que está procurando entrar naquela sua calça favorita que não fecha mais há de XX meses, acredita confiante que achou a pílula mágica. Você resolve experimentar esta “solução” e começa na segunda-feira, no dia internacional da dieta…

Você acorda e toma seu café da manhã correndo porque demorou um pouquinho mais do que deveria no banho, leva uma fruta como lanche antes do almoço, mas não consegue comer pois tinha muitas tarefas e não quis interromper seu trabalho por 3 minutos. Seu almoço que todo dia é as 12h, acaba ficando para as 14h devido a um imprevisto no seu trabalho. Aí, quando você consegue sair, vai almoçar em um restaurante, e como já está varada de fome, passa reto a parte das saladas – “isso aqui não vai me encher”, você pensa – , preenche quase todo o prato com arroz, batata ou macarrão, porque você está com fome claro, um pedaço de carne com bastante molho e como se não fosse o bastante, aquela batatinha frita parece estar fazendo um coração para você e pulando no seu prato. Certamente, você que já está estressada devido ao problema que não está resolvido ainda, pega uma porção da batatinha achando que está se dando um mimo, um presente de consolo.

Aí você come e se sente super satisfeita, depois de um belo prato desses, e ainda quer uma sobremesa, “sempre tem um espacinho né”! Volta ao trabalho, quando percebe que já são quase 17 horas e já está na hora do lanche da tarde, mas você não está com fome ainda, o que é normal, o seu corpo sabe disso. Porém você não quer deixar passar a hora do lanche pois não sabe quando e o que vai poder comer novamente, a ansiedade começa a falar mais alto e aí rola aquela barrinha de cereal cheia de açúcar invertido, xarope de glicose e outras coisas estranhas impossíveis de pronunciar, que adoçam a maioria dos produtos embalados, e adoram ficar alojadas na sua barriga como um lembrete do quanto elas são ruins.

Resumindo, você se entopiu de comida, não conseguiu comer exatamente a cada três horas, fica frustrada por não seguir o que queria e ainda janta engolindo a comida junto com a culpa que está sentindo por não ter feito o que tinha planejado. Isto é muito pesado e não vi te ajudar a chegar onde você quer!

Tudo-o-que-você-precisa-saber-sobre-emagrecimento-saudável

Mas planejar o quê afinal?

Bom, se você decidiu que vai se alimentar fazendo de 5 a 6 refeições por dia, terá que planejar e organizar exatamente cada refeição. Quem está em busca de emagrecimento saudável provavelmente já sabe que precisa cozinhar mais em casa, com alimentos inteiros e frescos, e diminuir o consumo de produtos industrializados, que contém valor nutricional quase nulo e aceleram o ganho de peso.

Comer fora pode ser a última opção, mas mesmo em restaurantes é possível fazer boas escolhas, principalmente onde você encontra buffet a Kg.. Tendo em mente que você vai montar o seu prato, dê preferência as saladas e vegetais, preenchendo a maior parte do seu prato, e depois sirva a  opção de proteína, grãos e leguminosas que você gosta.

Adaptar os horários para o encaixe das refeições vai depender do estilo de vida mantido, sendo necessário um olhar com carinho para a importância de não ficar muitas horas sem comer.

Mas será mesmo que você precisa fazer tantas refeições assim para conseguir emagrecer? Para descobrir esta resposta, vou te explicar o que está por trás disso. E você mesma vai conseguir responder esta pergunta!

 

Acelerar o metabolismo

Esta estratégia de fazer mais refeições e em pequenas porções tem como objetivo acelerar o metabolismo, incentivando o seu sistema digestivo a estar sempre “trabalhando” e mantendo os níveis de insulina estáveis. Ou seja, você ingere os alimentos, começa a fazer a digestão e quando esta está terminando este processo, você já está de olho na próxima refeição. O seu sistema digestivo estaria sempre em funcionamento, e isso também demanda mais energia física. Sabe quando você come um pouco mais e sente aquele sono logo em seguida? Isso acontece pois grande parte da sua energia física está concentrada nos seus órgãos digestivos, que estão trabalhando a todo vapor. Depois deste trabalho todo, dia após dia, você pode acabar sobrecarregando o seu sistema digestivo, e desencadeando vários problemas de saúde.

Outro ”efeito colateral” desta estratégia é que, ao não comer no horário planejado, por alguma razão, é possível que a pessoa apresente mudanças bruscas no humor, fique irritada, nervosa, ansiosa até que consiga encontrar algo para comer.

Se estiver em uma dieta restritiva, é muto provável que o lanche escolhido vai ser algo rápido e fácil de ser encontrado em qualquer lugar, ou seja, algum alimento altamente processado como biscoitos, batata chips, bombons e chocolates cheios de leite e açúcar, nada saudável.

O fato é que, esta estratégia de comer várias vezes ao dia talvez funcione para quem consegue se organizar e fazer realmente refeições pequenas porém completas, com todos nutrientes, se sentir fome a cada 3 horas e praticar atividades físicas de alta intensidade regularmente for parte da rotina desta pessoa. Talvez você conheça alguém que tenha este estilo de vida, e esta pessoa hoje tem um corpo legal. Mas pergunte a ela quanto tempo levou para chegar onde ela está. Se foi de forma natural, com certeza não foi em pouco tempo, dependendo do ponto de partida desta pessoa, claro.

Mas você não pode, jamais, se comparar a ninguém!!! Repito, JAMAIS, se compare a sua amiga, colega, nem a sua irmã, pois cada pessoa é única!! Cada uma das suas células, estilo de vida, experiências, cultura, fazem de você alguém sem comparações!

É mito pensar que esta estratégia vai funcionar para todo mundo!

Não, não vai!

Simplesmente devido ao fato que algumas pessoas apresentam um metabolismo mais lento, isto está geneticamente programado, e não vão sentir fome tão cepo após uma refeição. Se este é o seu caso e você gostaria modificar esta situação, saiba que você vai precisar de muita atividade física, paciência e uma vontade enorme de mudar. Porém depende de você querer mudar algo que é natural para o seu corpo ou procurar outras ferramentas e estratégias de emagrecimento mais eficazes.

emagrecimento-saudavel-e-seguro

O meu ponto é que, se você se sente bem fazendo três refeições por dia, se isso é natural para você, talvez não seja preciso mudar esta quantidade. Quando o assunto é emagrecimento, a crença coletiva impõe algo com sofrimento, que você tem que passar fome ou comer muito menos do que você come regularmente. E isso é apenas uma forma de manter você insatisfeita com o seu corpo, uma mentalidade alimentada para controlar as pessoas, ao invés de permitir que todas desfrutem de uma vida plena e saudável.

Mas fique tranquila, você pode sim emagrecer de forma saudável e passar fome não é nem de longe a melhor opção. Existem várias formas de melhorar a sua imagem corporal e cada pessoa vai se adaptar melhor a uma estratégia. Por isso é muito importante o apoio de uma especialista no assunto para te guiar neste sentido, mostrando as melhores estratégias e ferramentas, e ajudando a manter o foco no seu objetivo.

Como coach de saúde, eu apoio as minhas clientes durante este processo de forma que o emagrecimento seja uma consequência de várias atitudes tomadas com consciência e de acordo com a bio-individualidade de cada uma. Por isso dietas tradicionais não funcionam a longo prazo. Você precisa descobrir o que funciona para você, e que faça sentido na sua vida.

Então na próxima vez que você sentir que algo traz desconforto na sua alimentação, como por exemplo tentar comer várias vezes ao dia mesmo sem sentir fome, procure refletir se esta é a melhor forma de emagrecer no seu caso, e quais seriam as outras estratégias e passos que você poderia dar para mudar esta situação.

Se algo que você leu fez sentido para você, ou se ficou alguma dúvida, por favor, deixe um comentário ou escreva para contato@taisabohrer.com. Será um prazer falar com você!

Você gostou do texto? Não esqueça de compartilhar com as suas amigas e levar esta informação para mais pessoas que podem estar precisando!

Já conhece o Desafio #EnergyModeOn? Estamos nos motivando a incluir mais atividades físicas como forma de amor próprio e cuidado com o corpo e a mente! Participe gratuitamente, basta cadastrar seu e-mail para receber as instruções clicando aqui.

Participe com as suas fotos e usando as hahstags #energymodeon e #ameseporinteiro no Instagram e no grupo do Facebook!!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *